Rabanadas à la Mãe™

rabanadas18

Olá não-doninhas! Como já passou o Natal mas estamos naquele interregno das sobras natalícias e das sobremesas da passagem de ano e ainda temos todos estômago para doces, hoje apresentamos umas rabanadas de vinho.

Não vamos partilhar medidas certas para a receita, porque esta é uma daquelas feitas “a olho”, sendo um clássico, original da minha avó, que depois passou para a minha mãe (cujas mãozinhas figuram no processo de confecção ilustrado em baixo, porque um prato tão majestoso só pode ser concretizado por mãos experientes) e agora é o hit do Natal.

mvfvfgh-imgur

 

Ingredientes:

Pão (de preferência uma roca/cacete com vários dias de idade)

Vinho tinto

Açúcar

Canela

Mel

Casca de limão

1/2 pau(s) de canela

Ovo (para passar as rabanadas)

Óleo (para fritar)

Frutos secos misturados (nozes, amêndoas, passas, pinhões)

 

Comecem por cortar o pão em fatias grossas uniformes.

Façam uma calda com vinho, açúcar, casca de limão, pau de canela e mel a gosto, colocando-a numa panela a temperatura baixa para apurar.

Embebam as fatias de pão na calda referida e reservem-nas num prato. Podem deixa-las repousar neste ponto e ir comer os chocolates que receberam no Natal.

De seguida, voltem à calda feita com o vinho, adicionando desta vez os frutos secos, levando novamente a cozinhar/apurar, até os frutos absorverem o sabor (uma boa forma de ver isto é verificar quando as passas ficam inchadas como se tivessem comido quinhentas rabanadas destas).

Passem as fatias de pão pelo ovo batido e levem a fritar numa sertã com óleo.

Misturem bem o açúcar e a canela em pó. Coloquem um pouco desta mistura no fundo de uma taça grande.

Disponham as fatias de pão (que agora, depois de fritas já são oficialmente rabanadas) nessa mesma taça.

Deitem por cima de cada camada de rabanadas o açúcar com a canela e um fio generoso de mel.

Com uma concha de sopa vertam a mistura da calda e frutos secos sobre cada camada de rabanadas, já equipada com o açúcar, a canela e o mel.

Repitam até acabarem as rabanadas.

Et voilà, rabanadas com vinho e frutos secos.

Esta receita é ideal para manter estômagos quentinhos na quadra natalícia e para aumentar o vosso cred de chefs junto dos vossos familiares ou amigos.

 

Doninha Leonor

Vin Chaud

img_2882_edited-edddigg

Olá não-doninhas! Após termos prometido aquecer as vossas almas e corações estamos aqui para cumprir a promessa. Um nível de dificuldade muitíssimo totó mas que vos fará parecer nada totós.

Ingredientes:

  • Uma garrafa de vinho tinto
  • 120 g de açúcar amarelo
  • 2 paus de canela
  • 1 laranja
  • Especiarias variadas (nós utilizámos meia noz-moscada, cravo da Índia, casca de limão, casca de laranja, pimenta preta em grão e gengibre fresco)
  • 100 ml de água

Procedimento:

Num tacho, coloquem o vinho, a água, o açúcar amarelo, a canela e as restantes especiarias. Coloquem em lume brando durante cerca de 15 minutos, mexendo ocasionalmente e garantindo que não ferve. Quando estiver bem quente, desliguem o fogão e coloquem o sumo de uma laranja. Decantem o vinho para uma jarra, preferencialmente chique, e garantimos sucesso imediato.

Doninha Teresa