Areias de Miami

DSC_0749

Olá não-doninhas! Voltamos de um breve interregno, ou de umas vacances digitais, possivelmente causado pela overdose de açúcar e piroseira da série de receitas do dia dos namorados, ou porque somos doninhas sazonalmente ocupadas, ou porque fizemos uma viagem de descoberta espiritual e culinária a Freixo de Espada a Cinta, ou porque fomos fazer praia nos últimos meses para Miami. A verdade é esta última. Fomos a Miami e trouxemos areias.

Trouxemos a receita da melhor bolacha para levar a dar uns mergulhos no vosso café. Aquela receita perfeita para mostrarem à avó, ao avô, à mãe, ao pai, aos séniores, que também detêm a mestria dos clássicos.

DSC_0748

 

Ingredientes

  • 150 gramas de açúcar
  • 320 gramas de farinha
  • 200 gramas de manteiga (ou margarina)

 

Peneirem a farinha e misturem com o açúcar. Façam uma cova no meio onde colocam a manteiga fria, cortada em cubinhos, e trabalhem com as pontas dos dedos até a textura se assemelhar a areia.

Não olhem de esguelha para as mesquinhices do peneirar a farinha e amassar com as pontas dos dedos porque isto é uma coisa que depende mais do modus operandi do que do resto.

Agora, retirem pedacinhos da massa, moldem em bolinhas e achatem cada uma com um garfo.

Levem a cozer em forno pré-aquecido a 180 graus durante cerca de 10 minutos, ou até dourarem levemente.

Por fim, passem as areias, ainda quentes, por uma mistura de açúcar e canela (ou não eram de Miami). Se preferirem areias albinas podem sempre passa-las só por açúcar, ou por nada mesmo.

Feito, fácil, rápido. Bolachinhas de domingo e de Verão.

 

Doninha Leonor